\ O que é o projeto?

A CCR está sempre em busca de entregar a melhor experiência para todos nas estradas. E os ciclistas também fazem parte desse ecossistema.

E para entender a melhor forma de tornar isso possível, conversamos com muita gente bacana: ciclistas amadores, profissionais, representantes dos setores público e privado, formadores de opinião e diversos representantes da sociedade em geral.

Quer conhecer mais sobre essa iniciativa da CCR?

saiba mais

ROTA DAS
FRUTAS

Uma rota que encanta pelos desafios e conquista pelos sabores.

A Rota das Frutas passa por Jundiaí, Louveira, Vinhedo e Itatiba, municípios nacionalmente reconhecidos pela produção histórica de frutas. Estas cidades também são conhecidas pela realização de eventos temáticos anuais, como a Festa da Uva, do Morango, do Caqui, da Goiaba e do Figo, que celebram e valorizam a produção local e rural destas regiões.

De nível difícil pela extensão e acúmulo de elevação, a Rota das Frutas desafiará os ciclistas mais experientes. Mas também é ideal para ciclistas que querem aproveitar o melhor das regiões com um passeio turístico, explorando estas cidades históricas.

Bons trechos para o treino de cadência é possível encontrar na Rota das Frutas
A icônica Estação Ferroviária de Louveira, marca o início do segundo trecho da rota.
Estação Ferroviária de Louveira é um ponto de encontro clássico entre os ciclistas.
Desafios técnicos ?? Também tem na Rota das Frutas
Trecho em Vinhedo da Rota das Frutas
Descontração, treino forte e turismo , são características da Rota das Frutas
Trecho entre Vinhedo e Itatiba
Em alguns trechos, o pedal passa por fazendas produtotras de frutas da região
Cristo Redentor de Vinhedo é um dos atrativos turísticos da Rota das Frutas
O Rancho do Mombuca em Itatiba, oferece conforto lazer no meio das belezas naturais
Paisagem típica da região, um dos vários parreirais que você encontrará no seu pedal.
Entre os meses de dezembro e fevereiro, é possivel pedalar e sentir o odor agradável da Uva Niagara , típica da região
Entre um trecho e outro da Rota das Frutas também é possível conhecer e desfrutar dos sabores das inúmeras vinículas da região

\ TRAÇADO
DA ROTA

Faça o download da rota

Disponíveis nas versões

\ INFORMAÇÕES
DA ROTA

ATENÇÃO

Devido às obras na Rodovia João Cereser , um dos pontos de partida da Rota das Frutas ( Km 0 da rota) no Parque da Cidade em Jundiaí , a recomendação é que utilizem o ponto de partida do Paço Municipal Nova Jundiaí, localizado Av. da Liberdade, S/N - Jardim Botânico, Jundiaí – SP, que também oferece amplo estacionamento.

Também é possível iniciar o pedal, à partir da Estação Ferroviária de Louveira, da Represa (1) João Gaspari em Vinhedo, ou então do Itatiba Mall, para quem pretende iniciar pelo município de Itatiba.

LOCALIZAÇÃO:
Jundiaí, Louveira, Vinhedo e Itatiba
DISTÂNCIA:
75 km
DIFICULDADE TÉCNICA:
MÍNIMO
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
MÁXIMO
DIFICULDADE FÍSICA:
MÍNIMO
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
MÁXIMO
Altimetria acumulada por volta:
1355 m

ROTA DAS
FLORES

Uma paisagem e tanto para o Ciclo Rotas CCR!

Localizada a aproximadamente 1h da cidade de São Paulo, a Rota das Flores tem fácil acesso tanto pela capital quanto saindo do interior. Reconhecida pelos belos campos de flores e por abrigar a Expoflora, a cidade de Holambra abre as portas para receber a primeira das rotas do projeto.

Muito agradável com acúmulo de elevação mediano, essa rota pode ser feita pelos mais variados perfis de ciclistas.

O Portal Turístico de Holambra, que marca a entrada da parte central do município, foi construído em 2004
Fotos: Ricardo Arap
A data que aparece em destaque na fachada, 1948, faz referência ao ano de criação da colônia Holambra, quando vários imigrantes chegaram à região e iniciaram a criação de gado e agricultura.
O Lago Vitória Régia, um dos três lagos do município, é voltado para a realização de piqueniques e possui o Deck do Amor, inspirado nas pontes ao redor do mundo e onde os casais apaixonados podem colocar cadeados com seus nomes e atirar a chave nas águas
Das várias espécies de flores cultivadas em Holambra, as mais tradicionais são gérbera e suas variações​
Inaugurado em 2008, o moinho Povos Unidos é uma cópia fiel dos famosos e tradicionais moinhos holandeses
Fotos: Ricardo Arap
As pás do moinho possuem 12 metros cada e envergadura de 24 metros de ponta a ponta. Sua tração motora gera 60 cavalos de força, o suficiente para movimentar duas pedras de basalto de lava com o peso de uma tonelada cada​
Ponto de partida para a Rota das Flores, o entorno do Moinho das Nações oferece amplo estacionamento
Fotos: Ricardo Arap
Visitar os campos de flores é o passeio mais tradicional de Holambra, imperdível para quem visita a cidade.
Ao todo, são 365 guarda-chuvas, divididos nas cores laranja, amarela, vermelha, lilás e verde.​
A Rua dos Guarda-Chuvas foi inspirada em pontos turísticos da Espanha. A atração se tornou passagem obrigatória para todos os turistas que visitam a estância
Fotos: Ricardo Arap
Contato com a natureza é uma das características marcantes da Rota das Flores
Fotos: Ricardo Arap

\ TRAÇADO
DA ROTA

Faça o download da rota

Disponíveis nas versões

\ INFORMAÇÕES
DA ROTA

O Ponto de partida da Rota das Flores pode ser feito através do Moinho Povos Unidos, em Holambra, que oferece amplo estacionamento. O acesso à rota deve ser feito seguindo à ciclovia da Avenida Mario Bonano e as placas indicativas.

LOCALIZAÇÃO:
HOLAMBRA
DISTÂNCIA:
14 km
DIFICULDADE TÉCNICA:
MÍNIMO
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
MÁXIMO
DIFICULDADE FÍSICA:
MÍNIMO
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
MÁXIMO
Altimetria acumulada por volta:
176 m

PONTOS DE APOIO:

ROTA DAS FRUTAS

Utilizamos cookies para melhorar o desempenho e sua experiência ao utilizar nosso site. Nós procuramos, assim, explicar de forma transparente como, quando e porque utilizamos cookies. Ao acessar o nosso site, você concorda com a Política de Cookies e Política de Privacidade .

CONCORDAR!